segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Não tenho ido aos saldos, mas este fim de semana foi como se fosse.

Há quase um ano, lembro-me perfeitamente de ir à Feira do Bebé, no Continente, e de olhar para tudo de forma fascinada. Estava grávida de cerca de 4 meses e ainda estava naquela fase áurea do "estou grávida!Ohhhhhhh". 
Na altura apenas compramos um pack de fraldas para os primeiros tempos (ingénua que sou achava que 100 fraldas daria para uma eternidade de tempo!). E não comprámos mais nada. 
Apesar de tudo ter corrido muito bem durante a gravidez, sempre tive alguma calma com as compras numa primeira fase. Aliás começámos a operacionalizar tudo a partir do sétimo mês. Claro que se fosse hoje, talvez me tivesse precavido: afinal se a minha filha tivesse nascido antes do tempo, correria sérios riscos de não ter nada pronto. 

Mas voltando a falar da Feira do Bebé: este ano tudo é diferente. Ela já está cá fora! E este fim de semana foi altura de trazer fraldas tamanho 4 até mais não (até porque 50% desconto imediato não é todos os dias que se apanha), os iogurtes que ela come também estavam em desconto e o leite em pó o mesmo.Assim, sábado deixei uns belos trocos no hipermercado, mas em compensação e feitas as contas consegui poupar cerca de 50 euros no imediato.  

Por mim, havia Feira do Bebé de três em três meses. Assim havia sempre stock cá em casa! 

4 comentários:

Moa disse...

tb tenho de lá ir. se tudo correr bem a M só usará fraldas mais uns mesitos mas tenho de aproveitar.

Nany disse...

Eu também faço o mesmo x3.
Quando sei que eles vão precisar gosto de me precaver.
bjs

Abelha Loira disse...

Eu fiz o mesmo e temos mesmo que aproveitar e fazer stock. Aqui em casa abundam fraldas, leite e iogurtes :)

Cisca disse...

Subscrevo integralmente! Feira do bebé trimestral!