domingo, 26 de abril de 2015

Ter emprego é diferente de ter trabalho.

Este fim de semana entrei numa loja à procura de um artigo específico. 
Procurei, procurei. Encontrei. 
Mas só tinha um modelo e sabia que existiam outros diferentes. Perguntei às duas empregadas que estavam animadamente à conversa uma com a outra atrás do balcão. Disseram-me que só tinham aquele modelo. Estranhei. 
Não desisti e continuei à procura na loja. Encontrei precisamente outros dois modelos do mesmo artigo que estava à procura.

Apeteceu-me não trazer nada. A vontade de vender daquelas duas funcionárias era tanta que nem sequer se deram ao trabalho de me ajudar a procurar. Em todo o caso trouxe porque sei que tão cedo não iria encontrar aquilo. 
Mas é nestas ocasiões que eu penso nos milhares de desempregados neste país, com vontade de trabalhar. E estavam ali duas moças apenas com vontade de conversar.

13 comentários:

Indigo disse...

Completamente... Há pessoas que não sabem dar valor aquilo que têm.

Timtim Tim disse...

Acontece em tantas lojas. Fico pior que estragada.

disse...

Isso põe-me doente!

Patrícia disse...

Realmente tenho encontrado vários sítios onde situações semelhantes acontecem-me. Ainda no outro dia fui tomar café com umas amigas e o emprego nem nos disse boa tarde nem nada e ainda fez um aceno com a cabeça como que a dizer "então o que querem?"...é preciso ter lata! E o pensamento é o mesmo que o seu...tantos desempregados e esta gente a servir clientes!

FME disse...

Fogo que falta de brio. No outro dia na Mango uma também me revirou os olhos quando lhe pedi que me fosse procurar um tamanho -.- enfim!

Patrícia disse...

Em resposta ao comentário, sim eu normalmente costumo apanhar algumas promoções em farmácias ou normalmente nas parafarmácias...a do jumbo ou as dos centros comerciais ás vezes fazem! Quanto às promoções, ás vezes são sobre o valor do produto, outras..ás vezes apanho oferta de um produto na compra de outro! Experimenta...acredita que é mesmo bom! :)

Marta Moura disse...

Devias ter ido ter com elas e metâ-las na ordem. Passo-me com gente incompetente!

Miss Purple disse...

Mesmo... às vezes apetece é atirar com as peças para cima delas...

Patricia Paiva disse...

Sim, realmente...

ML disse...

Quantas vezes tive o mesmo pensamento... há gente que não tem brio nenhum!

estrela disse...

de certeza que não estava lá a pessoa responsável, porque hoje em dia ninguém se pode dar ao luxo de perder o emprego!

Ísis disse...

Deviam estar "por conta delas" naquele dia, senao nao estariam assim.

Rabiscos de Amor disse...

Infelizmente acontece muitas vezes! Eu só se gostar muito muito ou precisar desesperadamente do artigo, caso contrário procuro noutro sitio. Haverá concerteza semelhantes...