domingo, 1 de novembro de 2015

O início da aventura da maternidade

Faz hoje dois anos que soube que estava grávida. Havia a "quase certeza" de estar certa mas havia também o receio de estar enganada e tudo não passar de um atraso. A verdade é que a rapidez com que tudo decorreu entre o deixar de tomar a pílula e a confirmação do estado de graça leva-me a pensar que ainda bem que não houve ansiedade no meio disto tudo.
Na altura senti-me imensamente feliz. Aliás sentimo-nos. Já o disse aqui que às vezes sinto saudades da minha imensa barriga de grávida, sentimo-nos especiais, não por termos prioridades nas filas de supermercado (apesar de eu nunca ter beneficiado disso em grávida), etc., mas porque sabemos que durante nove meses somos dois em um.


12 comentários:

MAG disse...

E estavas linda :) Deve ser tão bom.

Baús e Batons disse...

Deve ser uma das melhores coisas do mundo <3

Timtim Tim disse...

Como eu te entendo...é das coisas que mais me entristece...saber que nunca mais vou estar grávida...

Ísis disse...

Deve ser uma sensação incrível

Coquinhas disse...

Deve ser taaaao bom :)

Ana Raquel disse...

Oh...que texto fofinho!

A Pequena Boneca de Trapos disse...

Consigo imaginar a felicidade que foi! A minha mãe também diz muitas vezes que nos primeiros anos tinha muita saudade da barriga!

Bjxxx

estrela disse...

é das melhores coisas que a natureza fez!!!

AMOR XXS disse...

Adorei estar grávida. Que saudades!

Diana Moreira disse...

Deve ser uma emoçao nem imagino

Magda E. disse...

é realmente magnifico. Quando penso que dois já me bastam e que não quero mais nenhum, ainda sinto pena de não voltar a ser e a sentir-me um "dois em um".

Leonor disse...

E agora já tens cá a Pimentinha.. Deve ser linda :)