quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Uma outra resolução de final de ano

Normalmente por esta altura, começam as chamadas resoluções de ano novo. Uma vez li que a resolução mais comum dizia respeito ao exercício físico: muita gente entra no novo ano com a promessa de que vai cuidar mais do corpo e as inscrições nos ginásios aumentam nesta altura. 
Eu acho isso muito importante, é um facto, mas decidi cancelar a minha inscrição no ginásio. Sim, eu sou o oposto. 
Esta foi outra resolução deste ano que está agora a acabar. Ando a pagar para não ir. Tão simples quanto isso. 
Olhando bem para trás é melhor nem fazer contas às mensalidades que paguei e das quais não usufrui. 
Por falta de tempo, mas também por falta de motivação, diga-se em abono da verdade. Muitas vezes deixei-me levar pela preguiça, outras estava tão cansada ao final do dia que meter-me num ginásio era coisa que não me passava pela cabeça. Cá para mim, se fosse com alguém, acho que teria sido diferente. Agora ir sozinha foi coisa que não ajudou. Só dependia de mim, não tinha ninguém que me puxasse. 
Isto não quer dizer que sinta que estou bem fisicamente. Não. A minha barriga continua a não ser a que era antes da gravidez. Estou com 4 quilos a mais do que antes de estar grávida, mas decidi que o melhor era dedicar-me ao exercício físico ao ar livre. Tenho a praia aqui tão perto e quando o tempo estiver melhor, talvez comece a fazer caminhadas a sério no passadiço. Isso para começar. Depois logo se vê.

7 comentários:

MariaXL disse...

Uma decisão que eu própria também tomei e da qual não me arrependo. Foi dinheiro que não gastei. Acabei por aproveitar o circuito de manutenção da minha cidade, que é grátis e ao ar livre e, de acordo com as minhas disponibilidades lá me vou mexendo. Quando não vou fico lamentando que devia ser mais persistente, mas não dinheiro o que estou a gastar sem usufruir do serviço!

estrela disse...

Estás como eu....ando numa preguiça este ano!!!!

Miss Purple disse...

Isso para mim não é resolução já que o ginásio faz parte dos meus dias. Infelizmente Novembro e Dezembro foram poucos os dias que fui por causa do meu pescoço, mas espero para a semana voltar ao ritmo normal.
Agora se assim é, força com essas caminhadas pela praia. Se eu tivesse assim a praia à beira, também acho que não resistia a umas valentes caminhadas :)

Diana Machado disse...

por acaso também preciso de ter alguém que me impulsione ao exercício

Trapinhartes disse...

Feliz 2016!
Beijinhos.

www.trapinhartes.blogspot.com

Maria do Mundo disse...

Eu não tenho resoluções de ano novo e já sei que inscrever-me num ginásio seria um fiasco. Por isso vou andando a pé.

Joana disse...

Somos duas. Eu andei a gastar uma fortuna em aulas de ténis e quase nunca podia ir, por isso cancelei a inscrição. Custou mas há que ser realista.