quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Gerir contas.

Em casa dos meus pais, sempre foi a minha mãe que tratava da papelada de contas e afins, de gestão das contas bancárias, etc. 
Eu nunca fui dada a números. E pensava eu como seria um dia a minha família em termos de contas.
"Uma anarquia", pensaria eu talvez na altura, pensando no futuro. 
E eis que na rifa saiu-me um namorado e, mais tarde, marido economista. Perfeito :)
É ele que gere as coisas cá em casa, é ele que controla as despesas e me vai mostrando o documento em excel com as previsões de gastos e com os gastos reais. E agora que chega a altura de tratar de faturas e afins de IRS, é um prazer não ter de me preocupar com isso. Ele trata de tudo :)


12 comentários:

Gorduchita disse...

:) que sorte!
Por acaso prefiro ser eu a fazê-lo, mas lá em casa temos a tarefa (mais ou menos) partilhada!

Miss Purple disse...

Oh que isso assim é uma maravilha :)

VerdezOlhos disse...

Que maravilha ! =) é caso para dizer que foram feitos um para o outro! Beijinhos

esperto que nem um alho disse...

Cá em casa eu trato do "orçamento familiar" e de abastecer a despensa e a esperta trata dos impostos e outros problemas burocráticos.
Detesto tratar de assuntos com as Finanças.

♥Cat disse...

Eu sou a economista da relação ;)

nem mais nem menos | Facebook | Instagram

Sys Arancia disse...

Eish, que sorte! Cá em casa também é a minha mãe que trata disso tudo.
kiss na cheek

Lea disse...

Eu trato de tudo! Que remédio!!!

esperto que nem um alho disse...

R: Pois... ainda bem que há quem tenha dinheiro para gastar em explicações. A minha filha também agradece. eheheheheheh

Carolina. disse...

O meu namorado também é óptimo com essas coisas (e ainda bem!) :)

Coguie disse...

Sortuda!!! Hehehe Aqui partilha-se...mas...sou eu que oriento! Já tenho saudades do tempo que não me preocupava com isto! :) mas pronto não ha-de ser nada!

AMOR XXS disse...

Cá em casa também é ele que eu cá não tenho paciência, se depender de mim as facturas vão todas parar ao lixo, nem me lembro cá de IRS, lol.

Magda E. disse...

Quem me dera. Por cá é mais ou menos partilhado, é ele quem trata de pagar contas e saber de prazos e tal e tal... mas depois a parte de arquivo tem de ser comigo, caso contrário nunca se sabe da papelada.