quarta-feira, 11 de maio de 2016

Há dias de sorte. Eu tive o meu a semana passada.

A semana passada quase que tinha um acidente de carro em plena auto-estrada. E a culpa era minha. 
E quando volto atrás e penso em tudo o que poderia ter acontecido, até me dá calafrios. 
É nestes momentos que sabemos que tivemos ali alguém connosco, a evitar um mal muito maior. Fiquei a tremer e só não parei porque ia em auto estrada e tive de seguir caminho. 
Só sei que as minhas pernas ficaram a tremer durante muito tempo. 
Cheguei à noite com a sensação que aquele foi um dia de sorte para mim. Porque foi um susto imenso mas felizmente estou aqui e estou bem. Sem pesos na consciência pela chapa que poderia ter sido amassada e pior, pelo que poderia ter acontecido a mim e a outros.  

14 comentários:

Gorduchita disse...

Porque há sortes que são melhores que o euromilhões!

VerdezOlhos disse...

Ufa! Ainda bem que tudo não passou de um susto! :)

Coquinhas disse...

Sorte é isso mesmo. Beijinho querida, ainda bem que tudo correu bem

Sofia disse...

Há uns anos atrás passei pelo mesmo e senti isso mesmo. Hoje ás vezes ainda penso naquele momento e há mesmo segundos incríveis. Ainda bem que no fim não passou de um susto e hoje podes refletir sobre ele.

Sofia disse...

*às

Camille disse...

Felizmente, não passou de um susto... :)

Beijinhos

Minnie Me disse...

Ainda bem que foi só um susto grande :/ e que estás cá para contar :)
Beijinho

Xica Maria disse...

Foi só um susto e ainda bem!
Cuidadinho :)

Esse disse...

Passei para deixar uma bela beijoca

[B] disse...

Poxa, ainda bem que não passou de um susto. Beijinhos

homem do leme disse...

Já adormeci na autoestrada e só acordei quando "fui" ao rail. É assustador. Eu já tinha adormecido duas vezes em estrada nacional e andei com pesadelos, apesar de só ter atravessado a estrada sem bater. Mas da última vez bati mesmo e também deve ter sido o meu dia de sorte, porque assim como fui descaindo para a direita, se fosse para a esquerda podia ter sido muito mais grave do que a pintura riscada.
Agora assim que me dá o sono, encosto. Nem que pare 100 vezes para fazer 20 Km. Mas conduzir com sono é que nunca mais. Julgo ter aprendido a lição e se tive uma segunda oportunidade, quero aproveitá-la acordado e vivo :/

Diana Machado disse...

Tens um anjo da guarda bem grande :)

AMOR XXS disse...

Bolas, que susto, é mesmo de ficar a tremer. É preciso ter muito cuidado na estrada.

Lovely disse...

Ainda bem que não passou de um susto. Cuidado.