quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Sensibilizar para um mundo melhor.

Finalmente(!!!!) a minha boss decidiu implementar uma ideia que nós, funcionárias, já tínhamos proposto, mas que só agora (vá-se lá saber porquê...) ela achou que se podia implementar. Criou-se um projeto solidário com as nossas crianças. O objetivo era angariar material (roupas, livros, brinquedos, etc) para doar a uma aldeia de crianças SOS que fica muito perto daqui e envolver os nossos alunos neste projeto, alertando-os para um mundo real. 
A ideia não é inovadora e até acho que faria mais sentido noutra época do ano. Porquê? Porque nesta altura toda a gente se lembra de ajudar. E nos restantes 11 meses nem sempre é assim. 
Mas questões à parte, esta semana fomos entregar tudo aquilo que se angariou. 
E felizmente foi-nos possível fazer uma visita guiada ao espaço e conhecer igualmente a realidade das Aldeias SOS

E posso dizer que nesse dia cheguei a casa mais feliz. Porque acho que falta aos nossos miúdos de hoje (miúdos esses que vivem com tudo ao dispor, miúdos esses que querem e têm) uma visão muito mais alargada do mundo. 
Nem todos nascem num berço de ouro. 
Nós, adultos, já sabemos disso. 
Lido diariamente com crianças que sendo de um nível sócio-económico alto, acham que tudo é maravilhoso. Tudo é cor de rosa. 
Lido com crianças e adolescentes que nem sempre vêm o telejornal e nem sempre têm consciência do que se passa neste país e no mundo. 

Se esta visita surtiu efeito em todos? 
Não. Há miúdos que continuam a "desdenhar", a ignorar os que não são como eles. Tenho pena por eles. Porque um dia, mais tarde, a realidade pode fazer-lhes ver muita coisa. Mas pelo menos, sei que em parte, houve muitos miúdos que chegaram a casa e contaram aos pais o que tinham visto e ouvido. 
Sei que podemos fazer a diferença, nós adultos. Sei que podemos e devemos criar miúdos e jovens mais atentos ao que os rodeia. Só assim podemos esperar que este mundo tenha futuros homens e mulheres capazes, conscientes e solidários, 12 meses por ano e não só no Natal. 

6 comentários:

Um Mundo a Três disse...

As escolas deviam ter mais iniciativas dessas. Mostrar às crianças que existem meninos diferentes das mais variadas formas e ensina-los a respeitar essas diferenças e quando possivel, ajudar. Há umas semanas a escola do T. Levou-os a visitar uma escola de ensino especial e eu adorei a ideia. Ele chegou a casa e contou tantas coisas.

Moonchild disse...

Actos simples capazes de dar um sorriso a quem deles precisa.

Bom dia "Pimenta"

Gorduchita disse...

Uma excelente iniciativa! Que a possam repetir mais vezes!
É bem necessário para ambas as partes!

AMOR XXS disse...

Foi uma iniciativa muito boa, que tenham mais oportunidades dessas ao longo do ano, e que sejam solidários ao longo dos restantes meses.
É bom esse "choque" com as restantes realidades para darem valor à sorte que têm, para respeitarem as diferenças, para se tornarem pessoas conscientes e solidárias.

Precisamos de escolas assim!

Minnie Me disse...

Mais vale tarde que nunca, se calhar só agora lhe apeteceu dar o braço a torcer :) beijinho e feliz natal!

♥Cat disse...

Uma óptima iniciativa, não só por quem ajudaram mas também pela sensibilização para estas causas sociais que nos dizem respeito a todos!