quarta-feira, 21 de junho de 2017

Ir para a praia com miúdos e levar a casa às costas.

Depois de ter estado cinco dias no Algarve, percebo que nem dois minutos me deitei a apanhar sol na minha rica toalhinha. Isto de ter filhos é maravilhoso, sim senhor, mas uma pessoa deixa de saber o que é ir para a praia alapar o lombo no areal e morenar. 
De manhã estamos cerca de 2 horas na praia e à tarde só íamos depois das 17 horas. Era tanto calor que nas chamadas "horas perigosas" só se estava bem dentro de casa, com uma ventoinha ligada. 
E na hora de ir para a praia, era vermos carregados que nem burrinhos. Só o saco dos brinquedos de praia metia medo para tamanho. Mais as toalhas. Mais a comida e bebida para a filha na praia. Mais isto e aquilo. E mais a filha ao meu colo. Basicamente, chegávamos à praia arriados já e depois o tempo era passado entre fazer covinhas, piscinas com túneis para a água do mar entrar e castelos na areia. 

O melhor de tudo? 
Vê-la feliz, a brincar na areia, a "panar-se" com areia no rabo, na cara, nos braços, em todo o poro. E vá, vê-la assim tão feliz na areia compensava os 14740 kg de tralha que se levava para a praia, os 28765 banhos dados para tirar a areia, as 3478 vezes que lhe pomos protetor solar. 





5 comentários:

Gorduchita disse...

Ver a felicidade deles vale tudo, não é? :D

A mamã vai casar disse...

E todo o trabalho vale a pena quando os vemos felizes :)

Cisca disse...

Nós fiazemos assim: uma bolsinha de brinquedos que ela própria leva e um saco de praia que levo eu onde cabem as toalhas dos 3, os protectores, dois ou tres fatos de banho para ela e uma mini mini lancheira com agua, fruta, um iogurte. O homem vai de mãos livres para quando tm de pegar na C. Ao colo. Resulta bem :)

Evy Percebes disse...

Dão um trabalho enorme mas são a melhor coisa desta vida! Beijinhos

Um Mundo a Três disse...

Eu não tenho coragem hehe Até porque no meu caso são dois bebés e precisamos de dois colos livres. Iremos sim à praia este ano, mas com mais adultos para ajudar :p