sábado, 23 de dezembro de 2017

O que eu detesto nestes dias.

Durante esta semana que passou, nas redes sociais, as mensagens de natal já proliferavam como nunca. Ontem, sexta feira, era quem mais desejava Feliz Natal e Boas Festas em tudo que era lado: facebook, Insta e afins. Ainda hoje houve alguém que me disse que, de há duas semanas para cá, que tem vindo a receber imensas mensagens de Natal. 
Vou-me manter fiel ao que fiz o ano passado: vou mandar mensagens personalizadas aos que me dizem mais. Não vou mandar aquelas mensagens em cadeia que se recebe e reencaminha. Para mim, isso não tem qualquer significado. Já sei que todos nós desejamos Feliz Natal ao mundo inteiro mas nesta altura, há pessoas que nós nos lembramos mais, em especial. 

2 comentários:

Olívia Muniz disse...

Tal e qual. Também não gosto dessas mensagens corrente e sem significado.
Um beijinho grande*
Vinte e Muitos

Liliana Paiva disse...

Concordo completamente contigo! Às tantas já nem me lembro de responder a quem me enviou essas mensagens só porque sim...